Coisas que eu sei...

Sei que alguns minutos sentada equivalem a um turbilhão de pensamentos que chegam sem que tenha tempo de me dar conta. Sei que isso é natural, mas me envolvo com tanta facilidade e intensidade que quando me dou conta, alguns minutos já se tornaram uma longa viagem. Sei que me divirto comigo, ouço grilos entre os meus pensamentos. Sei de coisas que vivo no dia a dia e procuro não dar muita atenção ou que não percebo mesmo. Sei que nem sempre o exemplo ensina, que osmose é algo meio sobrenatural, que quando uma pessoa não quer, não tem quem a faça evoluir. Sei que é comodo ser como se é e ponto, afinal, mudar dá trabalho e trabalho nem sempre é algo a q muitos queiram agregar. Sei que se fizer o meu já faço muito, mas sei também que seria muito mais completa se isso fosse uma coisa mais ampla. Sei que todos os dias pessoas e situações novas chegam até nós e (pausa para agradecer) na maioria das vezes o saldo é positivo. Sei que anjos existem e me sinto carregada no colo por um quase todo o tempo. Sei também que não sou muita coisa do que gostaria de ser, que ainda tenho muito o que fazer, mas acima de qualquer coisa, sei que faço o meu melhor e não tenho medo de aprender ou tentar. Sei que ser solicita aos que precisam nem sempre me garante reconhecimento, mas cria me mim uma paz tão grande, que já valeu. Sei que que as vezes sumo, me ausento, que a vida me grita, me sacode, me bagunça, mas sei que sempre vou voltar e encontrar o meu mundo inteirinho a minha espera. E... Sei que não posso acolher a todos que gostaria ou da forma que gostaria, isso me pesa um pouco no coração, mas assim como compreendo os buracos que ficam na minha vida,  rezo para que os que me cercam sejam capazes de me compreender também.
Sei de coisas simples, de pessoas simples, de pequenos detalhes que adornam a minha caminhada, tipo esperar o dia primeiro do meu de junho para abrir a contagem para o meu aniversario, ou ainda, ficar olhando o calendário conferindo o dia do aniversario do meu blog, checar o celular para rever todos os lembretes de datas importantes, reler mensagens, trocar mensagens, vibrar com os posts das pessoas que aprendi a amar, ainda que não possa comentar naquela hora... Ah, sabiam que quando falo de mim na maioria das vezes estou com a cabeça lotada de pessoas que queria ter a minha volta? E sentada aqui, me dou conta de que sei de muita coisa e que só a caminhada ensina, sinto uma ponta de orgulho bom de mim, mas sinto também que ainda tenho muito o que percorrer... E muitas coisas pra saber... 
Nas minhas preces sei que o mais importante é ter comigo os que querem saber de mim. E por ser atendida vivo em agradecimento. 


5 comentários :

  1. O gatona cabeça a mil a minha ferve te entendo completamente coisa linda !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu anjo! Essa minha cabecinha não para, mas escrever é tão gostoso pra mim que até o sono reencontrei ❤
      Beijos, amiga linda!

      Excluir
  2. Que coisa mais fofa. Me identifico muito com você na parte em que fala que com alguns minutos sentadas sem fazer nada vem pensamentos incontroláveis.
    Alguns são meio bizarros, outros malucos, outros coerentes, mas não deixam de ser pensamentos que fazem o que eu sou! :)
    Kissus

    have-luck.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. A pedido da Administração da Parceria Blogueiras Unidas, estamos visitando os links que constam na lista e levando todos que estão postando o banner BU, a carteirinha e o selo das turmas que pertencem, para a reedição da lista, caso não esteja assim em seu blog, pedimos providenciar e

    preencher o formulário no http://parceriaentreblogsdeartesanato.blogspot.com.br

    contamos com você em nossa parceria te aguardamos, pois teremos muitas surpresas, mais detalhes em nossa postagem no link acima.

    Obrigada pela atenção, fique com Deus.

    ResponderExcluir
  4. O melhor do que vc sabe è ter VC para dividir!!..entendeu??!! rsrs <3

    ResponderExcluir